Telefone0800.600.4780 ou (43) 3026.4780, de seg. à sex, das 08:45 às 18:00 Whatsapp (43) 98427.4203

O QUE É ISHARE (ETFS)?

iShares é um ramo de fundos de índice (fundos de investimento em índice de mercado). Em outros países, costumam ser chamados de ETFs (Exchange Traded Funds). Assim, esses fundos busca ter retornos de investimentos que se equiparem ao desempenho de um índice específico de referência. As cotas, negociáveis na bolsa, são fáceis de serem adquiridas, além de ter liquidez diária. Para simplificar o entendimento, é como se cada ETF fosse composto por ações de todas as empresas que compõem o índice. É uma maneira de diversificar a carteira, mas investindo em um ativo só, pois é como se os ETFs fossem uma amálgama de papéis. O ETF combina a simplicidade da negociação com ações com o risco diversificado dos fundos de investimento. Além disso, a taxa de administração de um ETF é, em geral, inferior à cobrada pelos fundos tradicionais.

QUAL É A RENTABILIDADE DA ISHARE (ETFS)?

A rentabilidade de um ETF corresponde ao desempenho de todas as ações que compõem aquele índice, de acordo com o peso que cada uma delas têm na sua formação. Por exemplo, o BOVA11 é o ETF do Índice Bovespa. Se o índice Bovespa sobe, esse investimento cresce também na mesma porcentagem. Se o índice cai, o investimento decresce na mesma proporção.

PARA QUEM É INDICADO ISHARE (ETFS)?

Por se tratar de renda variável, é mais indicado a investidores capazes de suportar algum risco e que têm mais conhecimento do mercado. No entanto, apresentam a vantagem de facilitar o conceito de diversificação. Se uma das empresas que compõem o índice não estiver se saindo bem e todo o resto delas estiver com um bom desempenho, ainda assim é possível lucrar.

QUAIS OS RISCOS DE INVESTIR EM ISHARE (ETFS)?

Os riscos são similares aos das ações, com a diferença que o desempenho do ativo é influenciado por mais de uma empresa. Assim, se as todas as empresas que compõem o índice estiverem indo mal na bolsa, pode haver prejuízo. Mesmo com os riscos mitigados pela diversificação, ainda é comum haver prejuízos: basta ver como o Ibovespa varia. O BOVA11, que acompanha o índice varia na mesma proporção, apesar de ser formado pelas empresas mais sólidas, líquidas e negociadas da bolsa.

COMO É A TRIBUTAÇÃO DE ISHARE (ETFS)?

A tributação é similar à das ações: abaixo de R$ 20 mil mensais em vendas no mês, há isenção. Acima, 15% sobre o lucro. No day trade, 20% sobre o lucro.

COMO FUNCIONA A ISHARE (ETFS)?

Exatamente do mesmo modo que as ações. Você precisa ter uma conta numa corretora e pode comprar o ativo através do home broker ou ligando para seu corretor.

QUAIS OS TIPOS DE ISHARE (ETFS)?

Os ETFs mais conhecidos são os seguintes:

BBSD11 – BB ETF S&P Dividendos Brasil é o primeiro fundo de índice a utilizar como referência o S&P Dividendos Brasil, que mede o desempenho das melhores ações pagadoras de dividendos no mercado brasileiro, ao longo do tempo, desenvolvido por um provedor de índices internacional.

XBOV11 – O CAIXA ETF Ibovespa Fundo de Índice busca obter de forma geral, retornos de investimentos que correspondam à performance do índice Bovespa (IBOV), antes de taxas e despesas. O IBOV é um índice composto pelas ações emitidas por companhias que respondem por mais de 80% do número de negócios e do volume financeiro da Bolsa.

IVVB11 – O S&P 500 Fundo de Investimento em Cotas de Fundo de Índice – Investimento No Exterior é um fundo de índice que busca retornos de investimentos que correspondam, de forma geral, à performance, antes de taxas e despesas, do índice S&P 500 em reais. Os ativos que compõem a carteira do fundo consistem preponderantemente cotas do iShares core S&P500 ETF (“IVV”).

OVA11 – Baseado no Ibovespa, índice composto pelas ações emitidas por companhias que respondem por mais de 80% do número de negócios e do volume financeiro da Bolsa.

BRAX11 – Baseado no Índice Brasil (IBrX 100), que mede o retorno de um investimento em uma carteira teórica composta pelas 100 ações mais negociadas na BM&FBOVESPA, em termos de número de negócios e volume financeiro.

CSMO11 – Baseado no índice BM&FBOVESPA de Consumo, que mede o retorno de um investimento em uma carteira teórica composta pelas ações das empresas representativas dos setores de consumo cíclico e não-cíclico.

ECOO11 – O iShares Índice Carbono Eficiente (ICO2) Brasil Fundo de Índice (“Fundo”) é um fundo de índice constituído sob a forma de condomínio aberto, que tem como referência Índice Carbono Eficiente. O ICO2 é um índice de mercado que mede o retorno sobre um portfolio com empresas do índice IBX-50 que concordaram em participar da iniciativa, adotando práticas transparentes de eficiência de emissão de gases causadores do efeito estufa. As ações do índice são balanceadas por critérios de free float e níveis de emissão de gases do efeito estufa.

MOBI11 – Baseado no índice BM&FBOVESPA Imobiliário, que mede o retorno de um investimento em uma carteira teórica composta pelas ações emitidas pelas companhias mais representativas de companhias listadas na BM&FBOVESPA, dos seguintes setores do ramo imobiliário: construção civil, intermediação imobiliária e exploração de imóveis.

SMAL11 – Baseado no índice BM&FBOVESPA Small Cap, que mede o retorno de um investimento em uma carteira teórica composta pelas ações emitidas pelas companhias com os menores Valores de Capitalização listadas na Bolsa.

UTIP11 – Baseado no índice BM&FBOVESPA de Utilidade Pública, que mede o retorno de um investimento em uma carteira teórica composta pelas ações das empresas representativas do setor de utilidade pública.

Existem ainda outros ETFs disponíveis na BM&F Bovespa, com diferentes perfis e índices.

QUAIS AS VANTAGENS E DESVANTAGENS DE ISHARE (ETFS)?

Vantagens

  • Possibilidade de diversificar investindo em um só papel.
  • Não depende do desempenho de uma só ação para o resultado, assim, se uma ou mais empresas estiverem com baixo desempenho na bolsa e as demais estiverem com um bom desempenho, as perdas são mitigadas.
  • Fácil de investir: basta ter conta em uma corretora.
  • Junta a diversificação de um fundo com a facilidade de negociação e liquidez das ações.

Desvantagens

  • Se o grupo ou mercado estiver recessivo todo o setor componente do índice pode apresentar baixo desempenho.
  • Como toda renda variável, exige mais cuidado e análise na hora de investir.
  • Os riscos são maiores que os da renda fixa.
  • Incidência de imposto de renda.

[contact-form-7 404 "Not Found"]